terça-feira, 15 de julho de 2014

Filme Experimental Encerra Curtas Nas Telas Na Sala P.F. Gastal



O projeto Curta nas Telas apresenta entre os dias 15 e 20 de julho o filme Memórias Externas de uma Mulher Serrilhada, dirigido por Eduardo Kishimoto, um dos destaques da produção experimental dos últimos anos. As exibições ocorrem na Sala P.F. Gastal, acompanhando a sessão das 19h30 do longa-metragem Cães Errantes, de Tsai Ming-liang. Na sexta-feira, 18 de julho, o curta será exibido antes da sessão das 17h.


O filme apresenta fragmentos da intimidade de Josi, uma adolescente de classe média baixa que encontra um vídeo seu em um site pornográfico. Com uma multiplicidade de formatos de captação   câmeras fotográficas, celular, webcams e páginas da internet, a obra de Eduardo Kishimoto aposta no mosaico visual pra abordar um tema intensamente contemporâneo: a exposição violenta da mulher nos espaços virtuais.


Ficha Técnica – Roteiro, Direção, Montagem: Eduardo Kishimoto /
Produção Executiva: Daniel Chaia / Direção de Fotografia: Carlos
Firmino / Empresa produtora: Bola Oito Produções / Elenco: Ana
Georgina Castro, Wendy Bassi, Fábio Nassar, Rafael Morpanini e Paolo
Gregori.

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Últimos dias para assistir ao filme 5 Horas Rumo Ao Norte


O projeto Curta nas Telas segue exibindo até o dia 21 de maio o filme 5 HORAS RUMO NORTE, dirigido por Paula Sabbaga. As exibições ocorrem na sala 4 do Cineflix Total, acompanhando o longa-metragem O Espetacular Homem Aranha 2, de Marc Webb, nas sessões das 14h30, 17h30 e 20h30.

Em 5 Horas Rumo Norte conhecemos Teo, um garoto incomodado com a viagem familiar de despedida do pai. Na estrada, entre discussões e momentos de reflexão, descobrimos os laços afetivos e as pequenas turbulências daquela família através de uma narrativa agridoce, onde os mistérios da vida são filtrados pela ótica infantil. O filme de Paula Sabbaga encerra a 41ª edição do Curta nas Telas.   
  
5 HORAS RUMO NORTE, de Paula Sabbaga (São Paulo, ficção, 15 minutos, 35mm, 2012). Censura livre.

Ficha Técnica – Roteiro e Direção: Paula Sabbaga / Produção Executiva: Tayla Tzirulnik / Direção de Fotografia: Maria Alice Arida / Montagem: Henrique Valente / Empresas produtoras: Tango Zulu Filmes e FAAP  / Elenco: Imara Reis, Carol Brada,  Gabriel B. Dias e Camila Possolo.

terça-feira, 6 de maio de 2014

Drama familiar encerra a 41ª edição do Curta Nas Telas




O projeto Curta nas Telas apresenta entre os dias 8 e 14 de maio o filme 5 HORAS RUMO NORTE, dirigido por Paula Sabbaga. As exibições ocorrem na sala 4 do Cineflix Total, acompanhando o longa-metragem O Espetacular Homem Aranha 2, de Marc Webb, nas sessões das 14h30, 17h30 e 20h30.


Em 5 Horas Rumo Norte conhecemos Teo, um garoto incomodado com a viagem familiar de despedida do pai. Na estrada, entre discussões e momentos de reflexão, descobrimos os laços afetivos e as pequenas turbulências daquela família através de uma narrativa agridoce, onde os mistérios da vida são filtrados pela ótica infantil. O filme de Paula Sabbaga encerra a 41ª edição do Curta nas Telas.   

5 HORAS RUMO NORTE, de Paula Sabbaga (São Paulo, ficção, 15 minutos, 35mm, 2012). Censura livre.
Ficha Técnica – Roteiro e Direção: Paula Sabbaga / Produção Executiva: Tayla Tzirulnik / Direção de Fotografia: Maria Alice Arida / Montagem: Henrique Valente / Empresas produtoras:Tango Zulu Filmes e FAAP  Elenco: Imara Reis, Carol Brada,  Gabriel B. Dias e Camila Possolo.

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Curtas nas Telas segue com a exibição de chapa, de Thiago Ricarte



O filme CHAPA, dirigido por Thiago Ricarte, segue em cartaz dentro do projeto Curta nas Telas, entre os dias 24 e 30 de abril. As exibições ocorrem na sala 1 do GNC Moinhos, acompanhando o longa-metragem Julio Sumiu, de Roberto Berliner, nas sessões das 19h35 e 21h50.

Seleção oficial no Festival de Cannes de 2009, Chapa apresenta Antônio, trabalhador informal que quebra a rotina para aguardar a visita da filha na beira de uma estrada. Enquanto a menina não aparece, vários personagens em seus afazeres mundanos interrompem a espera do protagonista.      

CHAPA, de Thiago Ricarte (São Paulo, ficção, 15 minutos, 35mm, 2009). Censura livre.

Ficha Técnica – Direção: Thiago Ricarte / Roteiro:  Lima Ricos  / Produção Executiva: Fundação Armando Álvares Penteado (Faap)  / Direção de Fotografia: Renato Coelho / Montagem:  Gabriel Meirelles Pinto  / Escola produtora: FAAP / Elenco: Fernando Gianonni, Gabrielle Passarelli, Helias Neto, Jéssica Barbosa, Lenice Ricarte, Luis Henrique Hernandes, Marcos Pascotto, Melina Anthis, Rafael Sadocco, Raquel Barbosa, Rogério de Oliveira, Sonia Hernandes, Vitor morbin, Walter Girardelli, Zeca Auricchio 

quinta-feira, 17 de abril de 2014

CURTA NAS TELAS APRESENTA FILME EXIBIDO EM CANNES

O projeto Curta nas Telas apresenta entre os dias 17 e 23 de abril o filme CHAPA, dirigido por Thiago Ricarte. As exibições ocorrem na sala 1 do GNC Moinhos, acompanhando o longa-metragem Julio Sumiu, de Roberto Berliner, nas sessões das 19h20 e 21h45.

Seleção oficial no Festival de Cannes de 2009, Chapa apresenta Antônio, trabalhador informal que quebra a rotina para aguardar a visita da filha na beira de uma estrada. Enquanto a menina não aparece, vários personagens em seus afazeres mundanos interrompem a espera do protagonista.      

CHAPA, de Thiago Ricarte (São Paulo, ficção, 15 minutos, 35mm, 2009). Censura livre.


Ficha Técnica – Direção: Thiago Ricarte / Roteiro:  Lima Ricos  / Produção Executiva: Fundação Armando Álvares Penteado (Faap)  / Direção de Fotografia: Renato Coelho / Montagem:  Gabriel Meirelles Pinto  / Escola produtora: FAAP / Elenco: Fernando Gianonni, Gabrielle Passarelli, Helias Neto, Jéssica Barbosa, Lenice Ricarte, Luis Henrique Hernandes, Marcos Pascotto, Melina Anthis, Rafael Sadocco, Raquel Barbosa, Rogério de Oliveira, Sonia Hernandes, Vitor morbin, Walter Girardelli, Zeca Auricchio 

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Destaque do cinema experimental brasileiro no Curtas nas Telas



MEMÓRIAS EXTERNAS DE UMA MULHER SERRILHADA, de Eduardo Kishimoto (São Paulo, ficção, 15 minutos, 35mm, 2011). Classificação indicativa 16 anos.


O projeto Curta nas Telas apresenta entre os dias 3 e 9 de abril o filme Memórias Externas de uma Mulher Serrilhada, dirigido por Eduardo Kishimoto, um dos destaques da produção experimental dos últimos anos. As exibições ocorrem na sala 7 do Espaço Itaú de Cinema, acompanhando o longa-metragem Tudo por Justiça, de Scott Cooper, nas sessões das 13h, 17h20 e 21h40.

O filme apresenta fragmentos da intimidade de Josi, uma adolescente de classe média baixa que encontra um vídeo seu em um site pornográfico. Com uma multiplicidade de formatos de captação – câmeras fotográficas, celular, webcams e páginas da internet, a obra de Eduardo Kishimoto aposta no mosaico visual para abordar um tema intensamente contemporâneo: a exposição violenta da mulher nos espaços virtuais.


Ficha Técnica – Roteiro, Direção, Montagem: Eduardo Kishimoto / Produção Executiva: Daniel Chaia / Direção de Fotografia: Carlos Firmino / Empresa produtora: Bola Oito Produções / Elenco: Ana Georgina Castro, Wendy Bassi, Fábio Nassar, Rafael Morpanini e Paolo Gregori.

quinta-feira, 27 de março de 2014

Curta Nas Telas segue em cartaz com animação e documentário



Entre os dias 27 de março e 2 de abril, o Projeto Curta nas Telas segue exibindo dois dos filmes mais elogiados de sua programação. Declaração de amor ao cinema, Piove, Il Film de Pio, de Thiago Mendonça, segue em cartaz na sala Norberto Lubisco, da Cinemateca Paulo Amorim, acompanhando a sessão das 19h do longa Trapaça, de David O. Russel. Linear, animação premiada de Amir Admoni, segue na sala 03 do Guion Center, acompanhando as sessões das 20h de Ela, dirigido por Spike Jonze.
Piove, Il Film de Pio nos apresenta a Pio Zamuner, cineasta hoje esquecido que dirigiu os 12 últimos filmes do comediante Mazzaropi. Através de um diálogo franco sobre o cinema e a vida, uma relação se estabelece entre esses dois diretores de épocas distintas, desenhando o retrato de uma paixão compartilhada por duas gerações de cineastas em um botequim da famigerada Boca do Lixo. Mas quem dirige quem? Pio Zamuner morreu antes da obra ser finalizada.
Em Linear, uma pequena e determinada criatura segue em linha reta, marcando as faixas brancas no asfalto do tumultuado trânsito de São Paulo. Nenhuma agrura parece impedir o seu trabalho. A linha, diz o cineasta, é um ponto que saiu caminhando. O filme foi eleito o melhor curta-metragem brasileiro infantil no Anima Mundi 2012.

PIOVE, IL FILM DE PIO, de Thiago Mendonça (São Paulo, documentário, 15 minutos, 35mm, 2012). Censura livre.

LINEAR, de Amir Admoni (São Paulo, animação, 6 minutos, 35mm, 2012). Censura livre.

quinta-feira, 20 de março de 2014

DOCUMENTÁRIO E ANIMAÇÃO SÃO AS PRÓXIMAS ATRAÇÕES DO CURTA NAS TELAS


O projeto Curta nas Telas apresenta entre os dias 20 e 26 de março duas novidades na programação. Declaração de amor ao cinema, Piove, Il Film de Pio, de Thiago Mendonça, entra em cartaz na sala Norberto Lubisco, da Cinemateca Paulo Amorim, acompanhando a sessão das 19h30 do longa francês Prenda-me, de Jean-Paul Lilienfeld. Linear, animação premiada de Amir Admoni, entra em cartaz na sala 03 do Guion Center, acompanhando as sessões das 17h30 e das 20h de Ela, dirigido por Spike Jonze.


Piove, Il Film de Pio nos apresenta a Pio Zamuner, cineasta hoje esquecido que dirigiu os 12 últimos filmes do comediante Mazzaropi. Através de um diálogo franco sobre o cinema e a vida, uma relação se estabelece entre esses dois diretores de épocas distintas, desenhando o retrato de uma paixão compartilhada por duas gerações de cineastas em um botequim da famigerada Boca do Lixo. Mas quem dirige quem? Pio Zamuner morreu antes da obra ser finalizada.


Em Linear, uma pequena e determinada criatura segue em linha reta, marcando as faixas brancas no asfalto do tumultuado trânsito de São Paulo. Nenhuma agrura parece impedir o seu trabalho. A linha, diz o cineasta, é um ponto que saiu caminhando. O filme foi eleito o melhor curta-metragem brasileiro infantil no Anima Mundi 2012.
PIOVE, IL FILM DE PIO, de Thiago Mendonça (São Paulo, documentário, 15 minutos, 35mm, 2012). Censura livre.
LINEAR, de Amir Admoni (São Paulo, animação, 6 minutos, 35mm, 2012). Censura livre.

sexta-feira, 7 de março de 2014

UMA PRIMAVERA SEGUE EM CARTAZ

UMA PRIMAVERA SEGUE EM CARTAZ 
NO CURTA NAS TELAS


Os cinéfilos porto-alegrenses terão mais uma semana para poder ver o elogiado curta-metragem Uma Primavera, dirigido por Gabriela Amaral Almeida. As exibições fazem parte do projeto Curta nas Telas e acontecem entre os dias 7 e 13 de março, na sala 3 do Cinespaço Wallig, acompanhando a sessão das 21h da comédia Tudo Por um Furo, de Adam McKay.

Exibido no Festival Internacional de Curtas de São Paulo, Uma Primavera mostra o desespero de uma mãe ao perder-se de sua filha num parque aparentemente tranquilo, onde comemoravam o aniversário de 13 anos da menina. A diretora Gabriela Amaral Almeida é um dos talentos do novo cinema independente brasileiro, tendo assinado o roteiro de Quando Eu Era Vivo, filme de Marco Dutra baseado em obra de Lourenço Mutarelli, com Sandy Leah e Antonio Fagundes no elenco.

UMA PRIMAVERA, de Gabriela Amaral Almeida
(São Paulo, ficção, 15 minutos, 35mm, 2011)
Censura livre.

Ficha Técnica Roteiro e Direção: Gabriela Amaral Almeida / Produção Executiva: Rodrigo Sarti Werthein e Rune Tavares / Direção de Fotografia: Matheus Rocha / Montagem: Marco Dutra / Empresa produtora: Acere Produção Artística / Elenco: Lúcia Romano, Natália Paz Parnes, Mauro Schames,  Eduardo Gomes,  Paula Cohen,  Lucca Almeida e Caio Barros.


PIOVE, IL FILM DE PIO, de Thiago Mendonça – 14 a 27 de março de 2014, na Cinemateca Paulo Amorim.
LINEAR, de Amir Admoni – 21 de março a 3 de abril de 2014, no Guion.
MEMÓRIAS EXTERNAS DE UMA MULHER SERRILHADA, de Eduardo Kishimoto – 4 a 17 de abril de 2014, no Espaço Itaú de Cinema.
CHAPA, de Thiago Ricarte – 18 de abril a 1º de maio de 2014, no GNC Moinhos.
5 HORAS RUMO NORTE, de Paula Sabbaga – no Cineflix.

www.curtanastelas.blogspot.com


sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

TRÊS FILMES EM CARTAZ NO CURTA NAS TELAS


O projeto Curta nas Telas apresenta entre os dias 28 de fevereiro e 6 de março o filme Uma Primavera, dirigido por Gabriela Amaral Almeida, na sala 6 do Cinespaço Wallig, acompanhando a sessão das 14h de Philomena, dirigido por Stephen Frears. No mesmo período, seguem em cartaz no Cinemark Ipiranga os filmes A Descoberta, acompanhando a sessão das 21h10 de RoboCop, de José Padilha, na Sala 8, e Dia Estrelado, acompanhando a sessão das 21h50 de Sem Escalas, dirigido por Jaume Collet-Serra, na Sala 1. 

 Exibido no Festival Internacional de Curtas de São Paulo, Uma Primavera mostra o desespero de uma mãe ao perder-se de sua filha num parque aparentemente tranquilo, onde comemoravam o aniversário de 13 anos da menina. A diretora Gabriela Amaral Almeida é um dos talentos do novo cinema independente brasileiro, tendo assinado o roteiro de Quando Eu Era Vivo, filme de Marco Dutra baseado em obra de Lourenço Mutarelli, com Sandy Leah e Antonio Fagundes no elenco.

Com fotografia em preto e branco, A Descoberta narra a história de um menino inquieto com o desaparecimento de seu cachorro. Ao se desfazer dos objetos do melhor amigo, o garoto mergulha no mistério da morte. Já a animação Dia Estrelado apresenta a luta pela sobrevivência de um menino e sua família contra a falta de água e comida num lugar isolado do mundo.


UMA PRIMAVERA, de Gabriela Amaral Almeida
(São Paulo, ficção, 15 minutos, 35mm, 2011)
Censura livre.

Ficha Técnica – Roteiro e Direção: Gabriela Amaral Almeida / Produção Executiva: Rodrigo Sarti Werthein e Rune Tavares / Direção de Fotografia: Matheus Rocha / Montagem: Marco Dutra / Empresa produtora: Acere Produção Artística / Elenco: Lúcia Romano, Natália Paz Parnes, Mauro Schames,  Eduardo Gomes,  Paula Cohen,  Lucca Almeida e Caio Barros.


A DESCOBERTA, de Ernesto Molinero
(Bahia, ficção, 15 minutos, 35mm, 2012)
Censura livre

Ficha Técnica – Direção: Ernesto Molinero / Roteiro: Haroldo Borges e Paula Gomes / Produção Executiva: Paula Gomes / Direção de Fotografia: Haroldo Borges e Remo Albornoz / Montagem: Ricardo Laranjeiras / Elenco: Ian Laborda, Virgínia Luz, Adson Pereira e Alda de Souza.


DIA ESTRELADO, de Nara Normande
(Pernanbuco, animação, 17 minutos, 35mm, 2011)
Censura livre

Ficha Técnica – Roteiro e Direção: Nara Normande / Produção Executiva: Livia de Melo / Direção de Fotografia: Marcelo Lordello / Montagem: João Maria e Eduardo Serrano / Animação: Diego Akel, Diego Mascaro, Fábio Yamaji,Maurício Nunes, Nara Normande e Renata Claus / Empresas produtoras: Garça Torta e Trincheira.

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Dia Estrelado, de Nara Normande na Sala 1 do Cinemark Ipiranga


DIA ESTRELADO, de Nara Normande (Pernanbuco, animação, 17 minutos, 35mm, 2011). Censura livre.
Ficha Técnica – Roteiro e Direção: Nara Normande / Produção Executiva:  Livia de Melo / Direção de Fotografia: Marcelo Lordello / Montagem: João Maria e Eduardo Serrano / Animação: Diego Akel, Diego Mascaro, Fábio Yamaji,Maurício Nunes, Nara Normande e Renata Claus  /  Empresas produtoras: Garça Torta e Trincheira.

Exibido no Festival Internacional de Curtas de São Paulo, a animação Dia Estrelado traz a luta pela sobrevivência de um menino e sua família contra a falta de água e comida num lugar isolado do mundo. As exibições acontecem na Sala 1 do Cinemark Ipiranga, acompanhando a sessão das 21h do filme Um Conto do Destino, dirigido por Akiva Goldsman.

A Descoberta, de Ernesto Molinero entra em Cartaz no Cinemark Ipiranga


A DESCOBERTA
de Ernesto Molinero

Bahia, ficção, 15 minutos, 35mm, 2012. Censura livre.
Em uma pequena cidade, um menino não entende porque seu cachorro desapareceu. Enquanto ele tem que se desfazer dos objetos do melhor amigo, vai mergulhar no mistério da morte.

O roteiro é de Haroldo Borges e Paula Gomes, a produção executiva de  Paula Gomes, a direção de Fotografia é de Haroldo Borges e Remo Albornoz a montagem de Ricardo Laranjeiras  e no elenco estão Ian Laborda, Virgínia Luz, Adson Pereira e Alda de Souza.
Recentemente recebeu Prêmio Especial no 8º Panorama Internacional Coisa de Cinema, BA, Melhor Direção de Fotografia no Festival de Cinema Baiano, Melhor curta de ficção no 4º Festival de Cinema Curta Amazônia, dentre outros.

O filme será exibido de 21 a 27 de fevereiro, na Sala 7 do Cinemark Ipiranga, acompanhando a sessão das 22h de Caçadores de Obras-primas, dirigido por George Clooney. 

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

CURTA NAS TELAS EM DOSE DUPLA NO CINEMARK IPIRANGA


O projeto Curta nas Telas retorna às salas de cinema da cidade apresentando dois filmes inspirados no universo infanto-juvenil: A Descoberta, dirigido por Ernesto Molinero, e Dia Estrelado, dirigido por Nara Normande. Os filmes serão exibidos no Cinemark Ipiranga entre os dias 21 e 27 de fevereiro.



A DESCOBERTA, de Ernesto Molinero
(Bahia, ficção, 15 minutos, 35mm, 2012)
Censura livre
  

Com fotografia em preto e branco, A Descoberta narra a história de um menino inquieto com o desaparecimento de seu cachorro. Ao se desfazer dos objetos do melhor amigo, o garoto mergulha no mistério da morte. O filme será exibido na Sala 7 do Cinemark Ipiranga, acompanhando a sessão das 22h de Caçadores de Obras-primas, dirigido por George Clooney.
Ficha Técnica – Direção: Ernesto Molinero / Roteiro: Haroldo Borges e Paula Gomes / Produção Executiva: Paula Gomes / Direção de Fotografia: Haroldo Borges e Remo Albornoz / Montagem: Ricardo Laranjeiras / Elenco: Ian Laborda, Virgínia Virgínia Luz, Adson Pereira e Alda de Souza.




 DIA ESTRELADO, de Nara Normande
 (Pernanbuco, animação, 17 minutos, 35mm, 2011)
 Censura livre



Exibido no Festival Internacional de Curtas de São Paulo, a animação Dia Estrelado traz a luta pela sobrevivência de um menino e sua família contra a falta de água e comida num lugar isolado do mundo. As exibições acontecem na Sala 1 do Cinemark Ipiranga, acompanhando a sessão das 21h do filme Um Conto do Destino, dirigido por Akiva Goldsman.

Ficha Técnica – Roteiro e Direção: Nara Normande / Produção Executiva: Livia de Melo / Direção de Fotografia: Marcelo Lordello / Montagem: João Maria e Eduardo Serrano / Animação: Diego Akel, Diego Mascaro, Fábio Yamaji,Maurício Nunes, Nara Normande e Renata Claus / Empresas produtoras: Garça Torta e Trincheira.


______________________________________________


Os próximos selecionados na 41ª edição do Curta nas Telas a entrar em cartaz

UMA PRIMAVERA, de Gabriela Almeida – 28 de fevereiro a 13 de março no Cinespaço Bourbon Wallig
PIOVE, IL FILM DE PIO, de Thiago Mendonça – 7 a 20 de março de 2014, na Cinemateca Paulo Amorim
LINEAR, de Amir Admoni – 21 de março a 3 de abril de 2014, no Guion.
MEMÓRIAS EXTERNAS DE UMA MULHER SERRILHADA, de Eduardo Kishimoto – 4 a 17 de abril de 2014, no Espaço Itaú de Cinema.
CHAPA, de Thiago Ricarte – 18 de abril a 1º de maio de 2014, no GNC Moinhos.
5 HORAS RUMO NORTE, de Paula Sabbaga – no Cineflix.


sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

SEGUE EM CARTAZ NO CURTA NAS TELAS A COMÉDIA FUNERAL À CIGANA



Dirigida por Fernando Honesko, a comédia Funeral à Cigana permanece em cartaz até 06 de fevereiro, dentro do projeto Curta nas Telas. A exibição ocorre na sala 3 do Cineflix do Shopping Total, acompanhando o longa-metragem O Herdeiro do Diabo, de Tyler Gillett, na sessão das 21h40.

Vencedor do prêmio de melhor trilha-sonora do Festival de Gramado de 2012, Funeral à Cigana narra a história de Sandro, um líder cigano que sai em viagem com seu grupo levando o corpo do pai que acabara de morrer. Ele deve transportar o corpo até sua cidade natal para atender o desejo de sua mãe, Vó Sara. Barrado pelo Soldado Rangel em um posto policial, Sandro enfrenta uma série de dificuldades legais para viver suas tradições plenamente.


FUNERAL À CIGANA, de Fernando Honesko
(São Paulo, ficção, 15 minutos, 35mm, 2012)

Roteiro e Direção: Fernando Honesko / Produção Executiva: Luiz Ferraz, Gal Buitoni e Carol Scalice / Direção de Fotografia:Edu Piagge / Montagem: Oswaldo Santana / Empresa produtora: Olé Produções  Elenco: Sandro Soares, Germano Mello, Zenilda Silva e Carrero Soares.
_________________________________

Os próximos selecionados na 41ª edição do Curta nas Telas a entrar em cartaz

5 HORAS RUMO NORTE, de Paula Sabbaga – 7 a 20 de fevereiro de 2014, no Cinemark.

UMA PRIMAVERA, de Gabriela Almeida – 21 de fevereiro a 6 de março de 2014, no Cinespaço Wallig

PIOVE, IL FILM DE PIO, de Thiago Mendonça – 7 a 20 de março de 2014, na Cinemateca Paulo Amorim

LINEAR, de Amir Admoni – 21 de março a 3 de abril de 2014, no Guion.

MEMÓRIAS EXTERNAS DE UMA MULHER SERRILHADA, de Eduardo Kishimoto – 4 a 17 de abril de 2014, no Espaço Itaú de Cinema.

CHAPA, de Thiago Ricarte – 18 de abril a 1º de maio de 2014, no GNC Moinhos.

A DESCOBERTA, de Ernesto Molinero – 2 a 15 de maio de 2014, no Cinemark.

DIA ESTRELADO, de Nara Normande – 16 a 29 de maio de 2014, no Cineflix.


quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

FUNERAL À CIGANA ENTRA EM CARTAZ NO CURTA NAS TELAS


O projeto Curta nas Telas apresenta entre os dias 24 e 30 de janeiro a comédia Funeral à Cigana, dirigida por Fernando Honesko. As exibições ocorrem na sala 3 do Cineflix do Shopping Total, acompanhando o longa-metragem O Herdeiro do Diabo, de Tyler Gillett, nas sessões das 14h, 16h30, 19h20 e 21h50.

Vencedor do prêmio de melhor trilha-sonora do Festival de Gramado de 2012, Funeral à Cigana narra a história de Sandro, um líder cigano que sai em viagem com seu grupo levando o corpo do pai que acabara de morrer. Ele deve transportar o corpo até sua cidade natal para atender o desejo de sua mãe, Vó Sara. Barrado pelo Soldado Rangel em um posto policial, Sandro enfrenta uma série de dificuldades legais para viver suas tradições plenamente.




FUNERAL À CIGANA, de Fernando Honesko
(São Paulo, ficção, 15 minutos, 35mm, 2012)

Fotografia: Eduardo Piagge
Direção de Arte: Margue Pennacchi
Empresa(s) produtora(s): Olé Produções
Som: Paulo Seabra
Edição de som: Françcois Wolf
Maquiagem: Priscila D elia
Produção Executiva: Carol Scalice, Gal Buitoni, Luiz Ferraz
Montagem: Oswaldinho Santana
Eletricista: Melão
Trilha Sonora: Marcos Azambuja
Maquinária: Julinho
Colorista: Rogério Morais
Design de Som: Françcois Wolf

Sobre o Curta nas Telas

O projeto Curta nas Telas é fruto de uma parceria entre a Prefeitura Municipal de Porto Alegre, o Sindicato das Empresas Exibidoras do Rio Grande do Sul e a Associação Profissional dos Técnicos Cinematográficos do Rio Grande do Sul e Brasileira de Documentaristas (APTC – ABD/RS). Seu objetivo é divulgar a produção nacional de curtas-metragens, por meio da exibição dos filmes selecionados no circuito de cinemas de Porto Alegre. Em 40 edições foram exibidos 283 curtas de todo o Brasil. Os doze curtas selecionados na 41ª edição estarão em exibição até 20 de maio de 2014.


quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

DEPOIS DO ALMOÇO SEGUE EM CARTAZ

DEPOIS DO ALMOÇO SEGUE EM CARTAZ NO CURTA NAS TELAS


A comédia Depois do Almoço, dirigida por Rodrigo Diaz Diaz, continua em cartaz dentro do projeto Curta nas Telas, entre os dias 17 e 23 de janeiro. As exibições ocorrem na sala 2 do Arcoíris Vitória, acompanhando as sessões das 17h e 19h de Confissões de Adolescente, de Daniel Filho.

Depois do Almoço narra as descobertas amorosas de duas amigas num típico almoço de domingo onde os maridos estão entretidos com o futebol e os filhos arrumam problemas. Após algumas discussões triviais, segredos são expostos, entre eles um sonho erótico revelador.

O filme fez parte da 4ª edição da série Fucking Different, projeto idealizado pelo alemão Kristian Petersen, que propõe que diretores expressem suas ideias sobre sexo & amor entre mulheres e que diretoras expressem suas ideias sobre sexo & amor entre homens. As edições anteriores do projeto Fucking Different foram realizadas em Berlim (2005), Nova York (2007) e Tel-Aviv (2008). As compilações foram exibidas em diversos festivais internacionais, como o Festival de Berlim.


DEPOIS DO ALMOÇO, de Rodrigo Diaz Diaz (São Paulo, ficção, 13 minutos, 35mm, 2010)


Elenco: Gilda Nomacce, Lulu Pavarin 
Produção: Paula Pripas 
Fotografia: Carlos Firmino 
Roteiro: Elzemann Neves 
Direção de Arte: Renata Rugai 
Empresa(s) produtora(s): Filmes de Abril 
Edição de som: Ana Luiza Pereira 
Figurino: Ingrid Furtado 
Montagem: Rodrigo Diaz 

___________________________________

Os próximos selecionados na 41ª edição do Curta nas Telas a entrar em cartaz

FUNERAL À CIGANA, de Fernando Honesko – 24 de janeiro a 6 de fevereiro de 2014, no Cineflix

5 HORAS RUMO NORTE, de Paula Sabbaga – 7 a 20 de fevereiro de 2014, no Cinemark.

UMA PRIMAVERA, de Gabriela Almeida – 21 de fevereiro a 6 de março de 2014, no Cinespaço Wallig

PIOVE, IL FILM DE PIO, de Thiago Mendonça – 7 a 20 de março de 2014, na Cinemateca Paulo Amorim

LINEAR, de Amir Admoni – 21 de março a 3 de abril de 2014, no Guion.

MEMÓRIAS EXTERNAS DE UMA MULHER SERRILHADA, de Eduardo Kishimoto – 4 a 17 de abril de 2014, no Espaço Itaú de Cinema.

CHAPA, de Thiago Ricarte – 18 de abril a 1º de maio de 2014, no GNC Moinhos.

A DESCOBERTA, de Ernesto Molinero – 2 a 15 de maio de 2014, no Cinemark.

DIA ESTRELADO, de Nara Normande – 16 a 29 de maio de 2014, no Cineflix.

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

MAKING OF DE DEPOIS DO ALMOÇO, QUE ENTRA EM CARTAZ DIA 10 NO ARCO IRIS VITÓRIA

CURTA NAS TELAS EXIBE COMÉDIA DEPOIS DO ALMOÇO


O projeto Curta nas Telas apresenta entre os dias 10 e 16 de janeiro a comédia Depois do Almoço, dirigida por Rodrigo Diaz Diaz. As exibições ocorrem na sala 2, do Arcoíris Vitória (Avenida Borges de Medeiros 475 - Centro), acompanhando as exibições do filme Confissões de Adolescente, de Daniel Filho, nas sessões das 13h10,  15h20,  17h30 e 19h40.


Depois do Almoço narra as descobertas amorosas de duas amigas num típico almoço de domingo onde os maridos estão entretidos com o futebol e os filhos arrumam problemas. Após algumas discussões triviais, segredos são expostos, entre eles um sonho erótico revelador.

O filme fez parte da 4ª edição da série Fucking Different, projeto idealizado pelo alemão Kristian Petersen, que propõe que diretores expressem suas ideias sobre sexo & amor entre mulheres e que diretoras expressem suas ideias sobre sexo & amor entre homens. As edições anteriores do projeto Fucking Different foram realizadas em Berlim (2005), Nova York (2007) e Tel-Aviv (2008). As compilações foram exibidas em diversos festivais internacionais, como o Festival de Berlim.

 DEPOIS DO ALMOÇO, de Rodrigo Diaz Diaz
(São Paulo, ficção, 13 minutos, 35mm, 2010)
 Elenco: Gilda Nomacce, Lulu Pavarin 
Produção: Paula Pripas 
Fotografia: Carlos Firmino 
Roteiro: Elzemann Neves 
Direção de Arte: Renata Rugai 
Empresa(s) produtora(s): Filmes de Abril 
Edição de som: Ana Luiza Pereira 
Figurino: Ingrid Furtado 
Montagem: Rodrigo Diaz 
 Sobre o Curta nas Telas


Os próximos selecionados na 41ª edição do Curta nas Telas a entrar em cartaz

FUNERAL À CIGANA, de Fernando Honesko – 24 de janeiro a 6 de fevereiro de 2014, no Cineflix

5 HORAS RUMO NORTE, de Paula Sabbaga – 7 a 20 de fevereiro de 2014, no Cinemark.

UMA PRIMAVERA, de Gabriela Almeida – 21 de fevereiro a 6 de março de 2014, no Cinespaço Wallig

PIOVE, IL FILM DE PIO, de Thiago Mendonça – 7 a 20 de março de 2014, na Cinemateca Paulo Amorim

LINEAR, de Amir Admoni – 21 de março a 3 de abril de 2014, no Guion.

MEMÓRIAS EXTERNAS DE UMA MULHER SERRILHADA, de Eduardo Kishimoto – 4 a 17 de abril de 2014, no Espaço Itaú de Cinema.

CHAPA, de Thiago Ricarte – 18 de abril a 1º de maio de 2014, no GNC Moinhos.

A DESCOBERTA, de Ernesto Molinero – 2 a 15 de maio de 2014, no Cinemark.

DIA ESTRELADO, de Nara Normande – 16 a 29 de maio de 2014, no Cineflix.